9 de out de 2008

Sempre....

Pois é… Fez ontem 3 anos que tudo começou, 147 postagens, é obra... ( A origem do super-karate)

Este fim-de-semana o meu amigo Ricardo Gama lá se deslocou à “Tuga”.

Como já não treinava há muito tempo e já tinha saudades de andar à “chapada”, lá fui treinar com o Ricardo Gama (aka- Shifu). O anfitrião foi o Sensei Paulo Oliveira no Dojo do “GIMBRA”. Foi uma excelente oportunidade para treinar algo de diferente e sentir o prazer de estar do lado de lá, no lado de ter que fazer e não ter que explicar o que se vai fazer.

É por continuar a viver com esta filosofia que continuo a gostar de fazer Artes Marciais, continuo a gostar de treinar, de ser treinado, de errar e ter alguém para me corrigir…

Não que desgoste de ensinar/partilhar, pois isso dá-me bastante prazer e sinto que sempre que ensino algo a alguém aprendo sempre mais…

No Domingo foi dia de treino de graduados da AKDK, o Sensei Álvaro Silva não pode estar presente, por isso o treino foi orientado pelos Senseis Marco Cruz, José Ramalho e “Moi Meme”.

Quem começou as festas foi o Sensei José Ramalho com a Kata Sanchin (Kanryo Higaonna).

Foram focados diversos aspectos importantes.

Nesta Kata existem diversos pormenores importantes (só nesta?)…

As duas formas de respirar, as duas formas de execução de movimentos e outros…

De seguida o Sensei Marco pegou na Kata Seiyunchin e tentou explicar os pontos mais fulcrais.

Para mim a parte mais difícil desta Kata é o tempo compreendido entre o Yoi e o Yame…

As oscilações de alturas continuam a ser um dos pontos a corrigir.

Um ponto que o Sensei Marco falou com alguma persistência foi a questão do “Enbusen” e a sua importância.

Para finalizar Kihon Bunkai dada por mim. O meu objectivo foi que as pessoas compreendessem o significado básico dos movimentos da Kata, com reacções simples.

Foi muito positiva esta acção, para o mês que vem será em Corroios.

Para finalizar, no próximo fim-de-semana vou estar em Madrid, isto porque o Mestre Pantazi esta semana estará a gravar um vídeo para a Cinturão Negro e aproveita para dar uma “aulinha” sobre ataques a orgãos (??) e vasos sanguíneos…

Correndo o risco de levar um Kick nos “Órgãos” lá vai uma comitiva “Tuga” para Madrid.

Se não vier a “piar fininho” logo que puder faço o post da aventura “Tuga” em Terras de “Nuestros Hermanos”.